Indivíduo





Bernard Freire, 26 anos, ator, estudante de teatro, ex-estudante de jornalismo. Não sou escritor, apenas escrevo por diversão. Levo os dias na medida do possível. Gosto de observar a simplicidade e tentar compreender como ela é atraente. Me identifico através do olhar e me prendo a ele até sentir uma paixão. Às vezes acho que sou sozinho e começo a rir de mim mesmo. Ser feliz é bem mais legal e isso me deixa a vontade de compartilhar mais de mim:

Cinema, Política, Arte, Fotografia, Literatura, Rubem Fonseca, Amazônia, Índio, Jazz e Blues, José Saramago, Pink Floyd, Nelson Rodrigues, Andarilho, Militante, Música, Observador, Cenografia, Luz, Poesia, Noite, Jornalismo, Mochileiro, Clarice Lispector, Outsider, C. Bukowski, Corpo, Escrita, Peanuts, G. Bernard Shaw, Stanley Kubrick, Noir, Solos de Guitarra e Saxofone, Teatro, Palavras...

O que eu consigo ser: